terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Sou o que sou...

Esses dias tive uma surpresa, descobri que mais gente do que eu imagino lê meu blog. A maioria não comenta, principalmente aqueles que não concordam com meu jeito de ser. Não entendem a antítese que há em mim.

Acreditem, sou mesmo uma antítese. Algumas pessoas me acham meiga, delicada; outras dizem que sou grossa, rude. Há os que se espantam quando digo que sou tímida e outros afirmam com plena certeza que sou realmente muito tímida. Tem gente que me acha inteligente, estudiosa e outros que tem certeza que eu nem estudo. Tem alguns que me acham competente, já outros nem tanto. Uns extraem de mim lágrimas e outros sorrisos.

Por ser assim, aprendi a amar meus amigos e família de qualquer jeito, com ou sem defeitos. Eles estão sempre ali, dispostos a me amar. Sabem que, apesar desse meu jeito, podem contar comigo nos melhores e piores momentos, basta chamar (ainda não comprei minha bola de cristal).Eu sou uma antítese, duas em uma e ambas são sinceras e verdadeiras. Eu sou exatamente isso que vocês conhecem bem, um espelho do que cada pessoa é.

Um comentário:

Rubens disse...

Olá Geo, acho que as pessoas que não comentam seu blog, não necessariamente não te entendem ou não gostam de você, algumas simplesmente gostam de ler as ótimas mensagens que escreve. ;-)