terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Histórias de Buzú*

Estava eu vindo para o trabalho quando entra o baleiro no ônibus.
Justamente quando eu levantei para sair, ele passou e deu uma cotovelada na minha testa, bem de leve e sem querer. Então falou:
- Desculpe moça, foi sem querer
- Tudo bem, sem problemas
Segui para a frente do ônibus.
Na hora da freiada me desequilibrei e pisei, também de leve, no pé de alguém que estava atrás de mim e a pessoa falou, sorrindo:
- Aí moça, descontou logo né?
Olho pra trás e era o baleiro; só pude rir....

Assim é a Bahia, embora algumas pessoa ainda não vejam o sol que a vida traz.


*Buzú na Bahia significa ônibus

8 comentários:

Alexsandra Moreira disse...

heheheheh, bem humorado o baleiro hein?

bj

Ana disse...

Se não fosse pelos Magalhães, eu teria só ótimas lembranças daí! :-)

Vc já leu o dicionário de baianês, do Lariú?

Bjos

Ubirajara de Souza Junior disse...

kkk essa ai foi boa, e eu q so achava q aqui no rio tinah isso nos buzão ou gol.... (grande onibus lotado), aki vai de bala a ate caneta vendendo...

carnaval ai ta pegando fogo ne... uia!

silvia masc disse...

Baleiro simpático... bom diaaaaaaaaaaaa!!!
beijinho

Cristiane A. Fetter disse...

Geo, pelo menos o humor este rapaz não perdeu, mesmo trabalhando em um ônibus e nem você também.
bjks

Geovana disse...

É... bem humorado mesmo. Que bom que é assim.

Ubirajara, vc não faz ideia de qtos baleiros existem por aqui. Gramática, tabuada e jornal são alguns exemplos de vendas em Buzú.

Elaine disse...

Olá!
Já pensou se ele fosse mal humorado? Poderia ser o começo de um bate-boca besta, né?
Geovana, passa no blog que tem selo e promoção te esperando.
Te espero.
Bom domingo.

Aura Sacra Fames disse...

O nosso subconciente sempre nos surpreende.


Abraços
aurasacrafames.blogspot.com