quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Viver em uma casa

Essa semana a revista Casa e Jardim me presenteou com duas reportagem: A primeira foi sobre os blogs Cheiro de Mato e Lá em Casa. Quando vi a foto, logo fiquei animada para ver a reportagem. Na hora que comecei a ler, achei meu nome lá entre os comentários. Me senti o máximo: "-Olha amor, o que eu escrevi está aqui na revista. Que chique!". Acredito que essa nova maneira de fazer revista, criando um contato amigável e próximo do leitor no dia-a-dia seja uma nova fórmula que Simone e Thais estão descobrindo.

A segunda reportagem foi "As vantagens de viver numa casa". Sonho em viver numa casa, melhor dizendo, sonho em voltar a viver numa casa. Talvez as pessoas que cresceram em apartamento não percebem a falta de espaço ou privacidade e e não conheçam as constantes mudanças que uma casa pode proporcionar.

Apartamentos, principalmente os "apertamentos" construidos atualmente, nos forçam a ter tudo sempre no mesmo lugar. Os móveis devem ser bem planejados e medidos para aproveitar espaço e, o máximo que se permite é mudar uma cortina, algumas almofadas e enfeites. Criar um animal é um grande desafio. O bichinho não pode latir nem pode sujar, tem que viver na coleira, tornando-o infeliz. Achar um "apertamento" com luz e ventilação naturais é raridade e quem asssim quiser, deve optar por imóveis mais antigos.

Numa casa é possível ampliar, quebrar paredes, plantar, criar jardins, mudar os móveis de lugar. É possível ter silêncio e privacidade ou receber os amigos sem precisar pedir autorização do síndico. Os animais vivem soltos, se sujam e se limpam, caçam e brincam como um animal deve fazer. As crianças são felizes e vivem soltas em contato com a natureza.

Sei que deve existir desvantagens. O trabalho e o cuidado são maiores, a segurança exige certos cuidados, o gasto com a manutenção é maior, mas apesar desses pequeninos problemas, viver em uma casa ainda é o meu sonho e o de muitas pessoas, tenho certeza. Por isso não deixem de ler a reportagem. São fotos e textos bem legais, feitos por uma equipe diversificada, que nos levam a imaginar e desejar uma casa. Tem boas idéias em pisos, azulejos, móveis e jardins. Sei que as casas não são minhas, mas entrem lá e fiquem à vontade.

5 comentários:

Sonhos de Crochê disse...

Chiquééééééérrima você!!!!
Parabéns pelo comentário na revista. Acho que eu morria!
E quanto ao post... só vejo vantagem em morar numa casa. Temos um grande quintal, as meninas brincam com terra, com água (pouca!), andam de bicleta, correm com os bichos. Temos um cachorro, uma gata (com três gatinhas). Arvores frutíferas, jambo, manga, acerola, caju, banana... É claro que dá um pouco mais de trabalho e que no quesito segurança (ainda não temos muro)realmente preocupa, mas a qualidade de vida é outra, é espaço, é vento entrando pela porta da sala e saindo pela porta da cozinha, é liberdade. Acho bom morar numa casa, principalmente quando ela estiver "terminada".
Beijos

Thaís Lauton disse...

Geo, valeu pelo comentário. Fico feliz que tenha gostado e agradeço em nome da redação. Acho que não encontramos uma fórmula, e sim percebemos que a revista pode ser feita com a ajuda de quem a lê. É o caminho.

Ah, dei uma lidinha nos outros posts e lembrei de quando fui a Morro de São Paulo. ADOREI a ilha! Bateu uma saudade...
bjs,
Thaís Lauton

Ana Cláudia Bessa disse...

Adorei esse post!
fiquei até com vontade de fazer um blog a respeito!
Eu me mudei prá casa há 8 meses e estou AMANDO!

Vou pensar no assunto...vc me inspirou!
Beijos!

Ana Cláudia Bessa disse...

E parabéns pelo comentário na revista!
Arrasou!

Geo disse...

Vou amar ler esse post. Histórias de vida e ainda falando de casa, decoração... vai ser muito bom. Promessa é dívida e já estou esperando.